Veneza revela nova taxa turística de 10 euros que vale a partir de 2023 -

Veneza revela nova taxa turística de 10 euros que vale a partir de 2023

Taxa para entrar em Veneza começa a valer a partir de 2023. Fotos: Pexels
Taxa para entrar em Veneza começa a valer a partir de 2023. Fotos: Pexels
Taxa para entrar em Veneza começa a valer a partir de 2023. Fotos: Pexels

A partir de 16 de janeiro de 2023, os visitantes de Veneza terão que pagar uma taxa de entrada turística.

Veneza está prestes a se tornar a primeira cidade do mundo a exigir uma taxa de entrada. O conselheiro de turismo de Veneza, Simone Venturini, anunciou a data de lançamento em coletiva de imprensa.

+ Portugal: 4 experiências imperdíveis para fazer no Alentejo

+ Nova taxa para visitar a Europa começa a valer a partir de 2023

+ Esse é o principal destino para lua de mel em 2022!

Venturini chamou a nova medida de “grande revolução” e uma solução para o problema do excesso de turismo com o qual a cidade luta há décadas.

Taxa para entrar em Veneza começa a valer a partir de 2023. Fotos: Pexels
Taxa para entrar em Veneza começa a valer a partir de 2023. Fotos: Pexels

O custo do bilhete varia de um mínimo de três euros até 10 euros. O preço não será fixo, mas irá variar de acordo com o número de visitantes: quanto mais pedidos de entrada, maior o custo.

O objetivo, explicou Venturini, não é “fechar a cidade”, mas fazer com que as pessoas marquem presença para reduzir os “picos turísticos”. Ele disse: “Veneza é uma cidade viva e tem que continuar assim”.

Quem não precisa pagar

O complexo sistema de reserva de ingressos e sua plataforma online serão revelados em breve. Há muitas exceções ao bilhete de entrada, explicou Michele Zuin, vereador do orçamento.

Ficarão isentos moradores e crianças menores de seis anos, pessoas com deficiência, proprietários de residências, aqueles que forem à cidade por motivos de saúde ou para visitar parentes e aqueles que forem para assistir a um evento esportivo ou cultural.

Os hóspedes do hotel durante a noite também não precisarão pagar a taxa de entrada porque já estarão pagando uma taxa de turismo através do hotel.

“Não é um sistema para ganhar dinheiro, mas para administrar os fluxos turísticos”, enfatizou Zuin. A renda tem como objetivo a redução dos impostos dos venezianos, que já são muito altos devido ao grande volume de turistas.

A taxa de entrada aplica-se ao centro histórico de Veneza e às seguintes ilhas: Lido di Venezia, Pellestrina, Murano, Burano, Torcello, Sant’Erasmo, Mazzorbo, Mazzorbetto, Vignole, S. Andrea, La Certosa, S. Servolo, S. Clemente e Poveglia.

As multas por violação de bilhetes variam de 50 euros a 300 euros.

Fonte: CNN Travel

Quer ver mais notícias sobre viagem? Então, confira em nossas matérias:

+ Ainda dá tempo de ver a aurora boreal em 2022 por R$ 10 mil

+ Descubra qual é a melhor cidade do mundo para morar em 2022. Confira top 10!

+ Torre Eiffel é ponto turístico mais caro do mundo. Confira valores e os monumentos mais baratos!


Veja também:

+ Marília Gabriela fala sobre morar em Portugal
+ Filha do cantor Leonardo exibe bumbum gigante ao posar de biquíni em praia do Ceará
+ Veja as 10 scooters mais vendidas no Brasil
+ Descubra as maiores tendências de cozinha que estão bombando em 2021
+ Cozinha afetiva: dicas e inspirações para uma decoração que exalta as memórias
+ Filha do cantor Leonardo exibe bumbum gigante ao posar de biquíni em praia do Ceará
+ A “Moto do Ano 2021” na Alemanha
+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok
+ Conheça o iate de luxo de Giorgio Armani: ele mesmo projetou e custa R$ 330 milhões
+ Cozinhas coloridas: veja dicas essenciais para apostar em projetos alegres, modernos e joviais
+ Previsões de Nostradamus para 2021: Asteróide e ‘fim de todo o mundo’
+ Bruna Lombardi posta foto nua aos 68 anos
+ Bruna Marquezine posa de biquíni no Copacabana Palace. Confira as fotos!
+ Os 3 signos mais sensitivos do zodíaco
+ Os ‘Sapatos de Satanás’ do rapper Lil Nas X conterão uma gota de sangue humano



Join the Discussion

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

arrow