Tarot: Dior lança coleção de primavera 2021 para inspirar a termos esperança no futuro -

Tarot: Dior lança coleção de primavera 2021 para inspirar a termos esperança no futuro

Imagens: Reprodução/Dior

Maria Grazia Chiuri é uma profissional de contos de fadas, uma designer de moda cujas coleções costumam oferecer elementos de fantasia. Para sua coleção de alta costura na primavera de 2021, a diretora criativa da Dior inspirou-se nas cartas de tarot, trazendo à vida os personagens e símbolos místicos familiares dos agora onipresentes baralhos ilustrados.

O tema do tarot certamente não é novo para a famosa maison de moda Dior. O homônimo fundador da Dior era um homem supersticioso, muitas vezes colocando sua confiança em adivinhos e carregando amuletos da sorte. Chiuri também já fez referência a imagens de tarot em looks importantes antes, principalmente em sua estreia na primavera de 2017 na casa francesa e em sua coleção de 2018. Seu popular Dior Book Tote também apresenta personagens ocultistas.

Trabalhando com o diretor Matteo Garrone, Chiuri apresentou sua coleção via Le Château du Tarot, um curta-metragem rodado no Castello di Sammezzano na Toscana. Começa com uma jovem sentada para uma leitura de tarô em um clássico Dior Bar Jacket, antes de fazer uma viagem mental pelos corredores do palácio Moorish Revival. Lá, ela encontra personagens retirados do baralho cigano, trazidos à vida por meio de trajes de alta costura majestosos da Dior.

Veja também:

“Cada carta reflete algum aspecto, eles foram selecionados para contar uma história”, disse Chiuri. “O Diabo representa a sedução de alguma forma, ações que podem ser perigosas para a sua vida. As lacunas que vão dentro do castelo representam diferentes aspectos de sua personalidade. Ela está um pouco confusa. Mas então, ela encontra o equilíbrio certo para a vida. ”


Cena do Le Château du Tarot de Dior/ DIOR

Junto com o Diabo, que está vestido com uma roupa dourada com um decote profundo (sedução, na verdade), a heroína encontra Justiça, em um vestido verde-floresta; o Bobo, de minissaia e blusa bordada com mangas onduladas; a Lua, em uma túnica em tons de terra com frente de navalha; o Papa, com um casaco jacquard da ópera sobre um vestido combinando; e Morte, em um vestido de lantejoulas azul com um véu. “É uma jornada dentro de uma pessoa, como em um sonho”, explica Garrone. “É o inconsciente dessa garota.”

Cena do Le Château du Tarot de Dior/ DIOR
Veja também:

Le Château du Tarot marca a segunda vez que Chiuri trabalha com Garrone. A dupla primeiro colaborou em um filme encantado para a temporada de alta costura do outono de 2020, que foi inspirado na mitologia grega. Então, como agora, Chiuri e Garrone pretendiam com sua colaboração oferecer uma fuga do marasmo da quarentena. “Neste momento, estamos todos perdidos com nossas vidas”, diz Chiuri. “Essa atração pela magia pode nos ajudar a ter esperança para o futuro.”

Cena do Le Château du Tarot de Dior/ DIOR

Fique por dentro das novidades na nossa página no Facebook Desejo Luxo ou no nosso site  www.desejoluxo.com.br

Join the Discussion

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

arrow