Saiba por que algumas iguarias de luxo são tão caras

Saiba por que algumas iguarias de luxo são tão caras

Saiba por que algumas iguarias de luxo são tão caras. Foto: Robert Anasch por Unsplash
Saiba por que algumas iguarias de luxo são tão caras. Foto: Robert Anasch por Unsplash
Saiba por que algumas iguarias de luxo são tão caras. Foto: Robert Anasch por Unsplash

Caviar, trufa, wagyu, simbolizam alimentos de luxo mundo afora. Mas, por que são tão caras? Só os mais ricos terão oportunidades de comer alguns destes itens.

Veja também:

Você sabe o que é caviar? 11 verdades sobre o ingrediente de luxo
5 dicas para preparar em casa uma refeição digna de estrela Michelin
Descubra as 10 comidas mais caras do mundo e por que são tão valiosas

Confira o motivo destas iguarias serem tão caras:

1- Caviar

Todo mundo conhece o caviar. É conhecido por bolinhas pretas, rosas ou outras cores, que têm intenso sabor de peixe.

Nada mais é do que ovas não fertilizados de peixe, como o esturjão, que hoje é um animal raro, por isso, hoje, costumam ser extraídas de outras espécies como salmão e truta. A reprodução do peixe é tardia e baixa, demorando entre seis e 25 anos para chegar à maturidade sexual, por isso, não há uma grande disponibilidade das ovas na natureza.

Os preços podem chegar a até 12 mil euros o quilo. Algumas marcas mais baratas no Brasil cobram cerca de R$ 150 por 100g

2- Trufa

A trufa é um tipo de cogumelo subterrâneo que cresce próximo das raízes das árvores na Europa, principalmente no norte da Itália. Por ser muito difícil de cultivar e possuir um sabor e aroma típicos, ela se tornou um alimento caríssimo.

Para desenterrar as trufas, os especialistas contam com ajuda de cães farejadores. Além disso, têm dois tipos: a trufa branca e a negra.

3- Foie gras

Típica da França, esta iguaria consiste em um patê gorduroso feito com fígado de patos, gansos ou marrecos. Para isso, os produtores alimentam as aves de forma forçada para que o fígado cresça em até 12 vezes seu tamanho normal. Esse alimento é inserido na garganta do animal por meio de um tubo.

Motivo de controversas, pois acredita-se ser um método cruel, os estabelecimentos de Nova York, por exemplo, serão proibidos de comercializar o foie gras a partir de 2022.

A produção de foie gras já é proibida em outros países, como Argentina, Itália, Suíça, Reino Unido, Dinamarca, Israel, entre outros. O quilo chega a custar US$ 100.

4- Wagyu

Carne de origem japonesa, conhecida pela gordura marmorizada, muito desejada pelo sabor excepcional. Os bois têm tratamento especial para a carne ficar desta forma, que vai desde massagens relaxantes até música clássica, o que explica o preço de R$ 150 a R$ 220 por um pedaço desta carne.

Além disso, é mais saudável por ser repleto de gorduras boas.

Join the Discussion

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

arrow