Nova York retoma visitas imobiliárias com cuidados especiais -

Nova York retoma visitas imobiliárias com cuidados especiais

Prédio em Nova York

Depois de três meses de paralisação devido à pandemia do novo coronavírus, Nova York retoma visitas imobiliárias com cuidados especiais: higienização das mãos, máscaras e checagem de temperatura.

Prédio em Nova York
Imagem: Foto de Anthony DELANOIX em Unsplash
Veja também

Os corretores imobiliários e seus clientes estão prontos para compensar o tempo perdido depois de uma temporada de negociações fracassada nos Estados Unidos. O setor imobiliário, que normalmente se desacelera nessa época do ano com a ida dos nova-iorquinos aos Hamptons para o verão, deve voltar com força.

“Nunca vi pessoas tão empolgadas”, disse Ignacio Cesped, agente da corretora Elegran, à Bloomberg. “Todo mundo ficou super feliz por ver as coisas, mesmo que não gostem”, completou o corretor, que teve seis apresentações em um só dia.

Desafios na era Covid-19

Apesar dos esforços nos últimos meses com a realização de visitas virtuais, o ramo imobiliário viu suas vendas afundarem. Com a reabertura da cidade de Nova York, o setor se ajusta aos novos desafios da era Covid-19 para se recuperar. Agendamento e limite de pessoas durante as visitas dos imóveis são algumas das regras. Além disso, as apresentações são destinadas apenas para possíveis compradores. Embora eles possam entrar nos apartamentos, as áreas comuns, como academias e piscinas, estão descartadas nas visitas imobiliárias.

É preciso destacar também que os compradores não podem tocar em nada enquanto fazem o tour pelos imóveis, os apertos de mão são proibidos e o uso de máscaras é obrigatório. Em algumas propriedades, os interessados precisam utilizar proteção nos sapatos e devem se submeter a checagem de temperatura. Apesar das dificuldades, os corretores de Nova York estão de volta à ativa.

Veja também

Join the Discussion

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

arrow