Jean Paul Gaultier lança serviço de aluguel de itens icônicos dos anos 80 e 90 -

Jean Paul Gaultier lança serviço de aluguel de itens icônicos dos anos 80 e 90

Nada para vestir? Os fãs da moda foram convidados a mergulhar em um pedaço da história quando Jean Paul Gaultier lançou um serviço de aluguel de alguns de seus designs mais icônicos.

Em uma mudança que deverá posicionar a grife francesa Jean Paul Gaultier na vanguarda do varejo de luxo, os clientes poderão pegar emprestado de um acervo com mais de 30.000 peças, criado pelo amado enfant terrible da França durante sua carreira de 50 anos como designer.

O serviço, que será lançado na quarta-feira, contará com uma coleção giratória de peças das décadas de 1980 e 90, incluindo o famoso vestido gaiola do apresentador da Eurotrash e os espartilhos de sutiã de cetim que ganharam destaque, graças a Madonna, que usava um durante sua turnê Blond Ambition.

Veja também

Um look jeans com tachas de uma das belíssimas coleções de moda masculina de Gaultier, também estará disponível para alugar.

Com preços variam de cerca de R$ 968 para um lenço a R$ 4.500 para o aluguel de curto prazo de um vestido no estilo gaiola, Gaultier espera abrir sua marca para um público mais amplo e atrair uma nova geração de consumidores.

O lançamento de uma categoria vintage, por meio da qual os clientes podem comprar itens usados com a marca Gaultier, também faz parte da nova estratégia da casa.

Uma coleção de 50 itens vintage provenientes de clientes e revendedores estará à venda no site da marca. Os espartilhos da casa francesa estão entre as peças vintage mais procuradas. A decisão de se apropriar dessa parte do mercado é um novo começo para Jean Paul Gaultier.

Sob a gestão de Antoine Gagey e com a ajuda de sua recém-nomeada diretora de criação, Florence Tétier, Gaultier tem como objetivo competir com uma nova geração de supermarcas da moda.

A estratégia inclui a entrega de itens em vez das tradicionais coleções de moda sazonais, trabalhando com um excelente elenco de colaboradores e apelando para um consumidor da Geração Z que se inspira na moda vintage.

“Queremos explorar novas maneiras de comprar e experimentar a moda, misturando na mesma plataforma”, disse Gagey ao WWD.

O mercado de aluguel e revenda de moda está crescendo, especialmente no segmento de luxo. Sites de aluguel de moda sediados no Reino Unido, incluindo Hurr , Mywardrobe.com e By Rotation, são considerados alternativas à moda rápida.

O setor de aluguel, endossado por Carrie Johnson, que alugou seu vestido para seu casamento com o primeiro-ministro, deve valer £ 2,3 bilhões em 2029 e foi apontado como uma possível solução para a crise ambiental da moda.

Fique por dentro das novidades na nossa página no Facebook Desejo Luxo ou no nosso site www.desejoluxo.com.br 


Veja também:

+ Marília Gabriela fala sobre morar em Portugal
+ Filha do cantor Leonardo exibe bumbum gigante ao posar de biquíni em praia do Ceará
+ Veja as 10 scooters mais vendidas no Brasil
+ Descubra as maiores tendências de cozinha que estão bombando em 2021
+ Cozinha afetiva: dicas e inspirações para uma decoração que exalta as memórias
+ Filha do cantor Leonardo exibe bumbum gigante ao posar de biquíni em praia do Ceará
+ A “Moto do Ano 2021” na Alemanha
+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok
+ Conheça o iate de luxo de Giorgio Armani: ele mesmo projetou e custa R$ 330 milhões
+ Cozinhas coloridas: veja dicas essenciais para apostar em projetos alegres, modernos e joviais
+ Previsões de Nostradamus para 2021: Asteróide e ‘fim de todo o mundo’
+ Bruna Lombardi posta foto nua aos 68 anos
+ Bruna Marquezine posa de biquíni no Copacabana Palace. Confira as fotos!
+ Os 3 signos mais sensitivos do zodíaco
+ Os ‘Sapatos de Satanás’ do rapper Lil Nas X conterão uma gota de sangue humano



Join the Discussion

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

arrow