Home office em Barbados: ilha do Caribe quer dar visto a trabalhadores remotos -

Home office em Barbados: ilha do Caribe quer dar visto a trabalhadores remotos

As pessoas que trabalham no formato home office, ou seja, remotamente podem ter a chance de se mudar para Barbados com novas propostas consideradas pela ilha do Caribe.

Imagens: Divulgação

A primeira-ministra Mia Amor Mottley está planejando introduzir um ‘selo de boas-vindas de 12 meses em Barbados’ que permitirá aos visitantes trabalhar remotamente na ilha do Caribe por um ano por vez. O esquema está sendo considerado porque as viagens de curto prazo se tornaram mais difíceis devido a restrições de teste para o Covid-19.

Veja também:

Praia Crane, Barbados

O país espera que, oferecendo às pessoas a chance de visitar a ilha por períodos mais longos, possa atrair visitantes novamente e reaquecer sua indústria. Mottley disse: ‘Você não precisa trabalhar na Europa, nos EUA ou na América Latina, se puder vir aqui e trabalhar por alguns meses por vez. As pessoas podem “vir trabalhar aqui no exterior, digitalmente, para que não precisem permanecer nos países em que estão”, disse ela.

Caverna Harrison’s, Barbados

Atualmente, os portadores de passaporte britânico não precisam de visto para visitar Barbados, mas têm um limite de tempo para ficar. Barbados planeja reabrir oficialmente suas fronteiras para viagens internacionais em 12 de julho, com o Canadá sendo o primeiro país a viajar para a ilha do Caribe.

Veja também:

Capital de Barbados, Bridgetown

A nação insular está incluída na lista do governo britânico de destinos de viagem isentos de quarentena no Reino Unido para aqueles que chegam do país.

No entanto, as orientações atuais indicam que as pessoas que viajam para o país devem realizar o teste de Covid-19 dentro de 72 horas antes da partida e deverão apresentar um certificado que confirme que são negativos para o coronavírus. Além disso, eles também devem enviar um formulário 24 horas antes de viajar.

Veja também:

Por fim, qualquer pessoa que não tenha feito o teste será testada na chegada ao país e colocada em isolamento, se necessário. Barbados tem conseguido impedir que o Covid-19 se espalhe na ilha, com 98 casos confirmados e sete mortes relacionadas à doença, colocando-a entre os 40 países menos afetados no mundo.

Fique por dentro das novidades na nossa página no Facebook Desejo Luxo ou no nosso site www.desejoluxo.com.br 

Veja também

+ Mudaram as regras para compra de carro para PCD; veja como ficou

+ Carol Nakamura compartilha projeto de sua mansão de R$ 2 milhões; veja

+ 20 passos simples para dar uma cara nova para sua casa

+ Você acha Gracyanne Barbosa sarada? É quer nunca viu a médica Chinesa Yuan Herong

+ Relógio de R$ 3 milhões de Faustão é inspirado em supercarro da Bugatti; veja

+ Dicas fáceis de como limpar panela queimada

+ Enio Mainardi, publicitário e pai de Diogo Mainardi, morre de covid-19

+ Quarto feminino: 6 dicas que você precisa saber antes de planejar o seu

+ 4 passos fáceis para limpar o espelho com produto caseiro

+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok

+ Veja cinco coisas que provocam mau cheiro em cães e saiba como combatê-las

+ Fazer o bem alivia dores físicas e mentais, aponta estudo



arrow