CyberHouse: o bunker pós-apocalipse preferido dos fãs da Tesla -

CyberHouse: o bunker pós-apocalipse preferido dos fãs da Tesla

Quando o Cybertruck de Tesla foi apresentado por Elon Musk no final do ano passado, o veículo futurista foi comparado a algo extraído de um filme de ficção científica apocalíptico.

E agora, uma empresa de arquitetura russa projetou um bunker à prova de zumbis para combinar.

Imagens: Divulgação

Apelidada de CyberHouse, a estrutura de vários andares foi projetada para suportar desastres como furacões, terremotos ou contaminação radioativa. A empresa por trás da proposta, a moderna casa de arquitetos de São Petersburgo, afirma que o prédio também poderia proteger os habitantes de um apocalipse zumbi – já que os mortos-vivos não seriam capazes de escalar suas paredes inclinadas ou penetrar em suas portas trancadas.

Hotel de luxo lança pacote Covid-19 para hóspedes

Bunkers bilionários: como a população mais rica do planeta se preparou para o apocalipse

Por dentro do maior bunker do mundo, um abrigo ultraluxuoso para desastres nucleares

Uma série de visualizações gráficas para o bunker retrata o Cybertruck com o Tesla estacionado do lado de fora. O design conceitual reflete a forma angular distinta e a aparência metálica do veículo, completas com espaço de estacionamento interno para o caminhão de quase 6 metros de comprimento.

O projeto

Um comunicado de sobre o projeto de 300 metros quadrados alega que poderia abrigar confortavelmente até sete pessoas em caso de desastre. O arquiteto-chefe da empresa, Alex Wizhevsky, disse que se inspirou no design de Tesla e nos submarinos, com sua proposta centrada em um núcleo de concreto armado.

“No desenvolvimento da CyberHouse, tomamos como base o princípio de construção de submarinos nucleares modernos, consistindo em várias cápsulas de proteção”, explicou Wizhevsky. “O gabinete de várias camadas proposto em nosso projeto oferece a máxima segurança contra vários desastres”.

Tudo o que o bunker oferece

Sistemas para tratamento e purificação de água e ar ajudariam na sobrevivência se os suprimentos fossem cortados. Descrita como “completamente autônoma”, a casa também seria alimentada por painéis solares e turbinas eólicas, o que significa que os habitantes poderiam morar lá por até um ano sem precisar sair, disse Wizhevsky.

Naturalmente, a inclusão de um terraço ao ar livre para se bronzear faz do CyberHouse uma opção luxuosa para o exigente proprietário de Tesla – e a estrutura pode ser projetada para conter uma pequena piscina, se o ocupante desejar.

O que fazer na quarentena? 10 projetos criativos com as crianças

Isolamento: dicas para transformar o jantar em frente à TV em um momento festivo

“Concentrei-me não apenas na segurança máxima, mas também na vida autônoma e confortável nesta casa”, disse Wizhevsky. “De fato, para (certos) proprietários em potencial, não há necessidade séria de proteção; provavelmente eles simplesmente gostarão do design e da autonomia deste projeto”.

Projeto no papel

Embora não haja planos imediatos para construir uma CyberHouse, o arquiteto expressou confiança de que sua visão se tornará realidade em breve. Ele relatou interesse de vários “clientes em potencial” na Rússia, Espanha e EUA. E, em vez de uma novidade futurista, Wizhevsky acredita que seu bunker oferece uma visão realista, principalmente pela quarentena de coronavírus que estamos vivendo.

“A arquitetura mundial, e agora a indústria automotiva, está se movendo em direção à simplificação de formas, máximo utilitarismo e manufatura”, disse ele, acrescentando que as novas tecnologias “dão esperança aos amantes desse estilo.”

Cybertruck e Tesla

O Cybertruck de Tesla gerou burburinho na internet, controvérsia e inúmeros memes quando foi revelado no ano passado. Apesar da reação mista, Elon Musk twittou três dias depois que 146.000 veículos já haviam sido encomendados, com um post posterior sugerindo que esse número subiu para 250.000.

Após seu lançamento, o Cybertruck foi comparado a veículos vistos em filmes como “Blade Runner”, enquanto a conta oficial do Twitter de “The Walking Dead” escreveu que o caminhão “ficaria doente em um apocalipse zumbi”.

E Wizhevsky não é o único designer inspirado na picape futurista de Tesla. A agência de design de Nova York Lars Büro recentemente propôs uma unidade de aço pré-fabricada, chamada Cybunker, que conteria um espaço de estacionamento de 182 metros quadrados para “caminhões que não cabem em garagens comuns”.

Uma série de renderizações digitais do bunker retrata o Cybertruck – que entra em produção no próximo ano – estacionado dentro da unidade, com o restante do interior usado para fins residenciais, comerciais ou de armazenamento.

Cansou do isolamento? 13 atividades para fazer com o tempo de sobra

Família passa 6 horas colorindo cada tijolo da casa com giz

Zoológico humano na China é a novidade em hospedagem de luxo

Mega resort de R$18 bilhões será inaugurado em Las Vegas

Veja também

+ Cientistas localizam o centro do Sistema Solar — e advinhem, não é o Sol
+ Maria Zilda relembra quando soube que Ary Fontoura era gay
+ Uma Harley-Davidson com 360 diamantes e peças banhados a ouro, a moto mais cara do mundo
+ Veja momento em que bola de fogo explode no céu de Tóquio
+ Rafa Kalimann ensina receita de palha italiana; veja o vídeo
+ Juliana Caetano, do Bonde do Forró, fala sobre proposta de 500 mil reais que recebeu
+ Saiba mais sobre a vacina BCG, uma das mais importantes da infância
+ 4 passos fáceis para limpar o espelho com produto caseiro
+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok
+ Veja cinco coisas que provocam mau cheiro em cães e saiba como combatê-las
+ Fazer o bem alivia dores físicas e mentais, aponta estudo



arrow